31 março 2010

Manifestação dos professores

 

image

Fotos: http://educacao.uol.com.br/album/greve-professores-paulista-31-03-2010_album.jhtm?abrefoto=37#fotoNav=31

 

“…A secretaria estadual de Educação de São Paulo divulgou nota comentando a passeata de professores que aconteceu durante a tarde desta quarta-feira (31). A pasta "lamenta" mais uma vez o tipo de manifestação que os professores promoveram, uma vez que causam "transtornos graves no trânsito da cidade" e prejudicam "acesso aos mais de 20 hospitais da região da avenida Paulista".

Segundo o órgão, não há verba para atender à reivindicação salarial dos professores,  pois a "medida que custaria nada menos do que R$ 3,5 bilhões, o que desorganizaria as finanças da educação e até mesmo do conjunto do Governo do Estado".
…”

 

Para as diversas propagandas do governo na TV, de conteúdo e veracidade questionáveis,  há sempre dinheiro em orçamento, para senadores, deputados, vereadores, juízes, magistrados, secretários, sempre encaixam de alguma maneira as suas reinvindicações. O executivo (educação, saúde, segurança), que são os executantes, que fazem o trabalho, em sua linha de frente, junto ao povo, não há disponibilidade orçamentária, não podem “gastar”  mais do que estava previsto.

“Educação é investimento e não gasto”

Postar um comentário

Pesquisar no blog ou na web:

Google